top of page

‘Presente’ à mulher dá prisão em flagrante

Tem casal que não se entende mesmo. O homem de 51 anos disse que encontrou alguma coisa num contêiner e romanticamente deu-a à companheira de 40 anos. Ela, ao contrário, garante que não ganhou nada.


Ela pagou pela duas porções de crack. Aliás, a Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) confirmou a versão da senhora.


A equipe especializada da Guarda Civil Municipal patrulhava o Jardim Nova Bandeirante, na manhã da segunda-feira (1º), quando viu o casal na rua Fernão Dias. A mulher deu dinheiro ao homem e recebeu em troca alguma coisa.


Ao ser abordada, a mulher ainda segurava o que havia recebido: duas porções de crack. Ao revistar o homem, a equipe da ROMU encontrou um estojo escolar com dez porções de crack iguais às encontradas com a mulher, além de onze pinos de cocaína e R$ 49.


A mulher disse aos guardas e depois repetiu na Delegacia de Polícia ter comprado a droga de Marco Antônio Godoy. Pagou R$ 20. Ela disse também que os dois trabalham juntos na coleta de recicláveis e também mantêm um relacionamento amoroso.


Marco Antônio negou tudo. Ao delegado de Polícia Civil titular de Porto Feliz, Raony de Brito Barbedo, ele disse ter encontrado o estojo num contêiner de lixo, que estava revirando à procura de recicláveis. Então ele deu de presente à colega de trabalho e companheira as duas porções.


A audiência de custódia foi realizada na terça-feira (2) na 1ª Vara da Comarca. O juiz de Direito Diogo da Silva Castro homologou o flagrante e transformou-o em prisão preventiva.

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page