top of page

Chica Thomazetto recebe homenagem da Câmara

A Câmara aprovou Moção de Aplausos na sessão da segunda-feira (1) para Francisca Inês Brunello Thomazetto, conhecida em Porto Feliz como Chica Thomazetto.


O autor da moção, Luís Diniz (PSD), se emocionou ao falar da jornada de Chica ao longo dos anos. “Que sua história continue a inspirar e motivar a todos nós. Parabéns, Chica”.


Cássio Carlota (MDB) também comentou sobre a homenageada. “Conheço a Chica já faz muitos anos e a Chica além de ser uma pessoa de um coração muito grande, ela tem uma bondade que transborda, fazendo, além de tantos pães que ela faz, ela tira ainda um tempo tão precioso que se dedica a Deus, né, Chica? Ela é ministra da eucaristia e lá no Barreiro Rico”.


Teko Gutierre (MDB), comentou que se juntaria a seus colegas para parabenizar Chica Thomazetto por sua história. “Continue uma família amorosa, carinhosa, unida. A senhora, o esposo, o filho que é parceiro nosso também, sempre junto com a gente. Fica aqui meu carinho, meu respeito, que Deus abençoe e tamo junto, Porto Feliz não pode ficar sem pão, vamos trabalhar e fazer pão para a população”.


Adilson Casagrande (União Brasil) deixou seu elogio. “Família maravilhosa, sou suspeito a falar, conheço todos vocês, qualidade tem nome, família Thomazetto. Essa eu indico”.


Marcelo Tuani (PP) lembrou de Chica quando vendia seus pães para os funcionários na escola em que trabalha. “Não era só farinha, ele [o pão] vinha também com muito amor, né? E esse amor contagiou todo mundo da educação também”.


O presidente da Câmara, Paulo Benedetti (Republicanos) lembrou de uma experiência que teve com a família, quando ao pagar por uma encomenda acabou se confundindo e enviando dinheiro a mais. Quando detectou o erro, o esposo de Chica, prontamente veio devolver a diferença. “Nada mais justo do que trazer isso à tona, da honestidade dessa família”, pontuou.


Sobre Chica

Desde seus nove anos de idade, ela já trabalhava, conciliando seu tempo com cuidados a crianças, afazeres domésticos e os estudos. Após a conclusão do ensino médio e técnico contábil, na escola Padre Anchieta, em Jundiaí, Chica se casou com José Maria Thomazetto e juntos criaram seus três filhos: Vanessa, Vinicius e Ana Letícia.


Em 2002, enfrentaram uma crise financeira severa na agricultura, momento que marcou o início de uma nova fase em sua vida. Chica viu na oportunidade de um curso artesanal de produção de pães, oferecido pela Cooperativa dos Plantadores de Cana de Porto Feliz (Canacap), uma chance de recomeçar.


Em 2003, começou a produção de pães, sempre mantendo um padrão de qualidade, cuidado e pontualidade, fatores que conquistaram seus clientes. Suas madrugadas eram dedicadas à produção de pães, seguidas por incansáveis jornadas de vendas porta a porta em residências e comércios.


Com o aumento da demanda, seus dias se prolongavam, exigindo noites mais curtas, acordando sempre mais cedo, e foi assim por 18 anos seguidos. Na pandemia, Chica colocou em prática o sistema de delivery para continuar atendendo seus clientes.


Hoje, aos 67 anos, dos quais 21, dedicados integralmente à produção de pães, Chica Thomazetto continua seu empreendimento e conta com a ajuda do esposo, responsável pelas embalagens dos pães, e de seus filhos.


27 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page